Diálogos com Nikolas Rose

O Coletivo Conexões: Políticas da Subjetividade e Saúde Coletiva, do Departamento de Saúde Coletiva da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas (DSC/FCM/UNICAMP) está organizando um conjunto de palestras e workshop com o Professor Nikolas Rose.

Rose é professor de sociologia, fundador e coordenador do “Department of Global Health and Social Medicine” do King’s College de Londres (2012-2016). Nos anos 1990, foi professor do Goldsmiths College e, de 2002 a 2012, da London School of Economics. Tem publicado diversos estudos históricos e políticos sobre Ciências Sociais,  Medicina e as ‘Disciplinas psi’. Nestes trabalhos tem se interessado, em especial, em realizar uma genealogia da subjetividade, refletir sobre o ‘governo das condutas’ e sobre as transformações das racionalidades e técnicas de poder político. Nos últimos anos, suas investigações têm se dedicado, em especial, aos estudos sobre a influência dos saberes biotecnológicos, aplicado a distintos campos do conhecimento – genética, neurociências, psiquiatria, farmacologia, biomedicina, bioeconomia e sobre a questão urbana – na conformação daquilo que somos. É internacionalmente conhecido pela contribuição de seus trabalhos na introdução do pensamento foucaultiano nos países anglo-saxões, sendo considerado por muitos uma referência de uma produção sociológica inovadora e pelo desenvolvimento de um pensamento crítico a partir de instigantes diálogos com autores como autores como Foucault, Ian Hacking, Latour, Deleuze e outros. Publicou inúmeros artigos, capítulos de livros e livros tendo seus trabalhos traduzido em 13 línguas e em dezenas de países. Ex-editor-chefe da revista “Economia e Sociedade” é, atualmente,  editor-chefe da revista interdisciplinar BioSocieties. Alguns de seus textos e livros encontram-se, hoje, disponíveis no Brasil, onde vem desenvolvendo crescentes laços de parcerias institucionais e acadêmicas. Para maiores detalhes de sua trajetória sugerimos acessar o site do Professor Nikolas Rose.

O evento acontecerá entre os dias 27, 28 e 29 de novembro na UNICAMP.

Abaixo apresentamos um sumário dos eventos  programados:

 

1. O futuro da Psiquiatria e da Saúde Mental – 27/11 – 14h – Salão Nobre – FCM-UNICAMP

Nikolas Rose nos anos 80 e 90 produziu um conjunto de artigos e livros que abordaram de forma inovadora os vínculos entre o poder político, o papel dos especialistas e o a constituição do sujeito (do “self”). Através desta produção Rose nos mostrou, com paciente acuidade, como novas formas de subjetividade estavam sendo fabricadas, como novos conhecimentos sobre o eu (self) circulavam e a sobre a importância ético política que estavam em jogo quando diferentes discursos e práticas buscavam moldar nossas condutas e produzir determinada subjetividade. Este pano de fundo teórico-conceitual constitui a base na qual Nikolas buscará debater “O futuro da psiquiatria e da Saúde Mental” em parceria com a Profª Diana Rose, que vem desenvolvendo seus trabalhos junto ao King’s College de Londres em torno da participação dos usuários- como ativistas e/ou pesquisadores na conformação do sistema de Saúde Mental no Reino Unido. Neste debate, Diana buscará trazer a sua contribuição como acadêmica e, não menos importante, enquanto usuária do sistema e ativista feminista e pelos direitos dos portadores de sofrimento mental.

 

2. WORKSHOP: Biopolítica e Governamentalidade: investigações contemporâneas – 28/11 – 14h – Salão Nobre – FCM-UNICAMP

O tema da biopolítica na sua dobra com o tema da governamentalidade e produção de subjetividade, que tem em Michel Foucault sua referência obrigatória, tem sido um referencial importante e objeto de investigação na obra de Nikolas Rose ao longo dos últimas 30 anos. Investigações, estudos e publicações realizadas, muitas vezes, em parceria com estudiosos de renome como Paul Rabinow, Colin Gordon, Peter Miller e outros destacados autores da ‘escola foucaultiana anglo-saxônica’. Este workshop tem, entre outros, a intenção de possibilitar professores e pesquisadores que tem explorado esta temática no Brasil e na América Latina possam intercambiar impressões sobre projetos de investigação em curso.

VAGAS LIMITADAS. LINK PARA A INSCRIÇÃO SERÁ DISPONIBILIZADO EM BREVE.

 

3. Urban Brain e a cidade neurosocial –  29/11 – 9h – Salão Nobre – FCM-UNICAMP

Nesta palestra, Nikolas Rose se propõe a apresentar e debater argumentos e achados de investigação recente na qual o pesquisador vem procurando discutir o papel da biotecnologia, em distintas áreas (medicina, psiquiatria, neurociências, indústria farmacêutica, psicofarmacologia, bioeconomia e outras), na conformação daquilo que somos hoje e da sociedade em que vivemos. Rose buscará nesta fala correlacionar estes achados a vida dos indivíduos e coletivos nas grandes cidades. Realiza, de passagem, uma instigante discussão sobre a relação entre as Ciências Sociais e as Ciências Biológicos e a necessidade de que as humanidades, perante os novos desenvolvimentos biotecnológicos, logrem atualizar seu arcabouço teórico-conceitual e que se supere, no processo, a recíproca desconfiança entre estes importantes campos de saberes e de práticas.

Para saber mais:

 

Below are all current bet365 new customer offers and welcome bonuses bet365 Simply use the links and the bet365 promo code